26/09/2013

Filme: "Diário de uma Paixão (2004)"

Diário de uma Paixão
"Não tinha terminado, ainda não terminou."

Vivemos uma época em que a fidelidade é banalizada e o amor é desconsiderado, esquecido e deixado para último plano. A maioria das pessoas querem viver um amor daqueles que dura uma vida inteira, mas quando surge o primeiro obstáculo, desistem... Amar não é apenas viver dias lindos, com céu azul e cheio de borboletas, amar é enfrentar os dias nublados, as noites de tempestades e todas as adversidades da vida juntos...

E esse filme mostra a valorização dos sentimentos como amor, fidelidade, companheirismo, respeito, ingredientes essenciais para manter viva qualquer relação.

O filme é baseado no romance best-seller "The Notebook" de Nicolas Spakes e relata uma belíssima história de amadurecimento e amor verdadeiro. Direção de Nick Cassavetes e o lançamento aconteceu em 2004.
Todos os dias um senhor idoso (James Garner) visita um senhora, também idosa (Gena Rowlands). Ambos moram em uma clínica de repouso para idosos, ele por opção e ela porque está com sérios problemas de saúde que prejudicaram a sua memória de forma irreversível. O idoso leva consigo um diário e todos os dias lê para a mulher. A leitura começa assim...
Um jovem operário que se chama Noah Calhoum (Ryan Goling) reside com sua família em Seabrook, interior dos Estados Unidos, certo dia ele conhece Allie Hamilton (Rachel McAdans), uma moça da capital que está na cidade passando as férias com seus pais.
Diário de uma Paixão
E entre eles acontece um 'amor à primeira vista'. Nem as diferenças sociais e nem a interferência da família da moça conseguem impedir que eles vivam um intenso e inesquecível amor durante as férias daquele verão.
Diário de uma Paixão
Mas quando as férias chegam ao fim, a família de Allie se impõe e obriga o casal a se separar. 
Diário de uma Paixão
Vem a Segunda Guerra Mundial e Allie fica noiva de Lon (James Marsden) um soldado que ela conheceu quando foi voluntária no hospital.
Sete anos se passam e as vésperas do seu casamento, Allie reencontra Noah e todo o seu passado ressurge novamente em sua frente, estando nas mãos dela a responsabilidade de mudar o seu destino...
E enquanto o idoso vai lendo os capítulos do diário, a idosa se deixa envolver pela história, embora esteja com a memória bastante prejudicada, aos poucos ela redescobre o prazer das suas emoções adormecidas e por um breve momento ela reconhece Noah, o seu grande amor do passado e que a Allie do da história é ela própria.
A perseverança de Noah, indo diariamente ler para a amada esposa é comovente. Vemos uma linda história de amor, mesclada com uma triste realidade.
"Diário de uma Paixão" tem um final emocionante, digno de uma leveza e ternura sem igual. Mas como a arte é uma imitação da vida, vou lhes contar uma história semelhante e real...

"O inglês Jack Potter, um senhor de 91 anos de idade, luta para que sua esposa Phyllis mantenha as lembranças de uma união de mais de 70 anos. O Sr. Potter fez questão de registrar em um diário todos os momentos felizes que tiveram juntos desde que se conheceram, em 1941, no auge da Segunda Guerra Mundial.
Diário de uma Paixão
Sua esposa sofre de dormência e falta de memória, mas seu marido à visita todos os dias na casa de repouso em Rochester. Ele lê o diário para sua amada não esquecer a bela história de amor que viveram juntos."

É apenas um, do vários exemplos reais de sentimentos verdadeiros como o amor e o companheirismo. Um amor como deste casal inglês possui laços eternos, porque um amor tão grande e bonito como este nem a morte conseguirá destruir.

Mais detalhes do filme na página do IMDb

Duração: 123 minutos
Gênero: Romance, Drama
Classificação: 14 anos
Minha Nota: 10,0

Conteúdo Correspondente